Crescimento, sobrevivência e produção de Litopenaeus vannamei cultivado em sistema intensivo

Exon de Paiva Maia, George Alves Modesto, Luis Otavio Brito, Alfredo Oliveira Gálvez

Resumo


 Investigações sobre o uso de sistemas intensivos em fazendas de camarão demonstraram diferentes resultados. O presente estudo foi realizado para avaliar o cultivo de Litopenaeus vannamei em sistema intensivo. Foram povoados camarões na fase de pós-larva (PL10) em quatro viveiros, sendo dois viveiros berçários, com área de 0,25 ha e 0,26 ha, estocados com 720 e 769 camarões/m2 e dois viveiros de engorda com área de 0,33 ha e 0,37 ha estocados com 142 e 159 camarões/m2. Os ambientes de cultivo foram fertilizados com ureia, superfosfato triplo, silicato de sódio e melaço. Os camarões foram alimentados com ração comercial de 35% P.B. Os resultados das variáveis de produção nos viveiros berçários foram: durante 42 dias: peso médio 1,19 g; FCA 1,05; sobrevivência 92,1%; e produtividade 8.119 kg/ha/ciclo, e, nos viveiros de engorda, durante 113 dias: peso médio 13,3 g; FCA 1,24; sobrevivência 50,7%; e produtiviade 9.526 kg/ha/ciclo, demonstrando a viabilidade do cultivo em viveiros intensivos de Litopenaeus vannamei.


Palavras-chave


Camarão, produtividade, FCA

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12661/pap.2012.004

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Pesquisa Agropecuária Pernambucana
ISSN 0100-8501 (impresso)
ISSN 2446-8053 (online)


Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA)
Av. General San Martin, 1371
Bongi, Recife, PE, CEP 50761-000
revista.pap@ipa.br